Saberes e percepções de professores fisioterapeutas acerca da problematização como estratégia pedagógica

  • Simone Gavenda Univali
  • Fabiola Hermes Chesani Univali

Resumo

Este estudo propõe conhecer a percepção dos fisioterapeutas professores sobre a problematização. A coleta de dados aconteceu numa Universidade de Santa Catarina e os participantes foram 10 professores fisioterapeutas do curso de graduação em Fisioterapia. A pesquisa foi de cunho qualitativo, a coleta de dados ocorreu através de entrevistas semiestruturadas com questões abertas que abordaram sobre a problematização. Os dados foram analisados pela análise do conteúdo de Bardin. As categorias foram: o que consideram diferente e específico no processo de construção da problematização;  diferença entre o que é posto como o ideal e o real na aplicação do método; motivos e motivações para sua aplicabilidade. Constatou-se que concepção do professor está fortemente relacionada com o Método do Arco de Maguerez proposto por Díaz Bordenave e Pereira ou a Metodologia Problematizadora com o Arco de Maguerez proposto por Berbel.


Warning: Smarty error: unable to read resource: "file:0/plugins/generic/usageStats/templates/outputFrontend.tpl" in /var/www/html/php5-instance/ojs/lib/pkp/lib/vendor/smarty/smarty/libs/Smarty.class.php on line 1094

Biografia do Autor

Fabiola Hermes Chesani, Univali
Fisioterapeuta, Mestre em Saúde e Gestão do Trabalho e Doutora em Educação Científica e Tecnológica UFSC
Publicado
2017-12-31
Seção
Artigos Originais